O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Jorginho enaltece vitória no primeiro jogo da final e ressalta: "Estamos com o pé no chão" Treinador elogiou o triunfo e pediu concentração aos seus comandados

image
Jorginho dá instruções na vitória vascaína contra o Botafogo - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

No auditório do Maracanã, após a vitória por 1 x 0 sobre o Botafogo, o técnico Jorginho concedeu entrevista coletiva aos jornalistas e falou sobre o resultado positivo na primeira partida da decisão do Campeonato Carioca. O treinador também analisou o desempenho da equipe no confronto.
- o Botafogo fez uma pressão muito grande desde o início da partida. O contra ataque deles é mortal. Não tivemos o controle no primeiro tempo e no segundo conseguimos manter a posse de bola. Era tudo que eu queria e assim conseguimos construir o nosso jogo. A equipe melhorou, claro que com o gol. Se nós tivéssemos mais calma e trabalhássemos a bola melhor no campo deles, nós aumentaríamos o placar. São duas equipes que merecem estar na final - frisou o treinador.
 Em uma decisão de 180 minutos, sair na frente contra um forte adversário é importante. Porém, Jorginho fez questão de ressaltar que apenas o primeiro passo foi dado. Para o comandante, manter o foco e a mesma pegada na segunda partida é fundamental para conquistar o troféu.
- Não tem a menor possibilidade de acontecer euforia. Não festejamos nada, sabemos do perigo que temos, contra quem vamos jogar. É uma equipe determinada e muito bem treinada pelo Ricardo Gomes. Então, para chegar ao nosso maior objetivo, nós temos que nos concentrar a partir de hoje. Deve ser a melhor semana dos nossos jogadores em relação a concentração, alimentação, treinamento. Não tem euforia e estamos com os pés no chão - disse o comandante.

image
Jorginho antes do confronto deste domingo - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Dois jogadores fundamentais na partida foram lembrados pelo treinador cruzmaltino. Jorge Henrique, autor do gol, e Martin Silva, responsável por uma bela defesa aos 39 minutos do segundo tempo, foram exaltados por Jorginho. O técnico aproveitou e rasgou elogios ao camisa 1 vascaíno.
- O Jorge Henrique é um atleta muito forte fisicamente, ele acompanhou bem o Luis Ricardo, que é um lateral rápido e habilidoso, em todos os momentos. Tem sido muito importante para o time. O Martin Silva é fantástico, a forma como ele sai na bola e consegue interceder aquele chute. Ele é um dos maiores goleiros com quem eu trabalhei. Um jogador fundamental para a gente. A garra, a entrega e a vontade de todo o grupo foram fundamentais para conseguirmos esta vitória - completou o técnico.
Texto: Thiago Moreira

Com gol de Jorge Henrique, Vasco vence Botafogo por 1 a 0 e fica a um empate do bicampeonato carioca

Na tarde deste domingo (01/05), pelo primeiro jogo da final do Campeonato Carioca, o Vasco venceu o Botafogo por 1 a 0, com gol de Jorge Henrique, de cabeça, no segundo tempo. Com o resultado, o Gigante da Colina está a um empate de conquistar o bicampeonato carioca. O jogo decisivo entre as equipes acontecerá no próximo domingo (08/05), às 16h, também no Maracanã.

image
Andrezinho é observado de perto pelo adversário - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

O JOGO
Com um clima de festa no retorno ao Maracanã, as torcidas promoveram um verdadeiro espetáculo durante os 90 minutos. A primeira etapa foi de maior aproveitamento do Botafogo. A equipe de General Severiano teve mais posse de bola, mas pecou nas finalizações. Já o Vasco apostou nos contra-ataques, mas não conseguiu envolver o adversário em nenhuma oportunidade. 

Com poucas finalizações, os dois times não conseguiram se soltar no primeiro tempo, e o Gigante da Colina sofreu uma marcação fortíssima do Botafogo, bloqueando as ações dos meias Nenê e Andrezinho. Pelo lado alvinegro, apenas Bruno Silva assustou Martín Silva, em chute com efeito de fora da área. Já pelo lado vascaíno, as finalizações não levaram perigo ao gol de Jefferson, deixando o placar zerado.

image
Luis Ricardo e Nenê - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

No segundo tempo, o Gigante da Colina voltou com tudo. O Botafogo não conseguiu manter a marcação do primeiro tempo e sofreu com os ataques dos vascaínos. Aos 7 minutos, Riascos fez boa jogada pela direita, Julio dos Santos cruzou e Nenê chutou de primeira.  A bola saiu raspando a trave de Jefferson. Na sequência, o time de General Severiano respondeu. Ribamar invadiu a área cruzmaltina e chutou cruzado, com grande perigo ao goleiro Martín Silva.

A pressão aumentou e o Vasco abriu o placar aos 15 minutos com Jorge Henrique. Nenê recebeu boa bola pela direita e conseguiu cruzar a bola na medida para a área. O atacante se antecipou ao goleiro Jefferson e tocou de cabeça para o fundo da rede.  Após o gol, os times começaram a mexer. Sassá, que entrou pelo lado do alvinegro, foi expulso com pouco tempo de jogo, após falta violenta em Jorge Henrique.

Mesmo com um jogador a menos, o Botafogo se lançou ao ataque  e quase empatou a partida. Aos 34 minutos, Diego deixou Bruno Silva na cara do gol. O jogador tentou tirar de Martín Silva, mas acabou isolando. Quatro minutos depois, foi a vez de Ribamar ficar cara a cara com o uruguaio. O camisa 1 do Gigante da Colina mais uma vez mostrou o porquê é chamado de Paredão e defendeu um chute a queima roupa, salvando o Cruzmaltino de levar o empate. Final: Vasco 1x0 Botafogo.
image
Nenê comemora ao lado de Jorge Henrique - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

FICHA TÉCNICA – VASCO 1X0 BOTAFOGO
Competição: 1º jogo da final do Campeonato Carioca de 2016
Local: Maracanã
Data: 01 de maio de 2016
Horário: 16h (Horário de Brasília)
Público presente: 43.822  / Pagantes:  37.207
Renda: R$1.840.370,00
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães
Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Silbert Faria Sisquim
Cartões amarelos: Marcelo Mattos, Luan, Nenê, Rodrigo, Riascos e Julio César (Vasco) / Gegê, Fernandes e Neilton (Botafogo)
Cartão vermelho: Sassá (Botafogo)
Gols: Jorge Henrique (15'/2ºTempo)
VASCO: Martín Silva; Madson, Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Marcelo Mattos (Diguinho), Julio dos Santos (Yago Pikachu), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique (Eder Luis) e Riascos. Técnico: Jorginho.   
Botafogo: Jéfferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Emerson Silva e Diogo Barbosa; Bruno Silva, Rodrigo Lindoso, Gegê (Fernandes) e Leandrinho (Sassá); Juan Salgueiro (Neilton) e Ribamar. Técnico: Jorginho

Termômetro do sub-17, Alexandre projeta duelo com o Cruzeiro

A atual campanha cruzmaltina na Copa do Brasil sub-17 já é a melhor do clube desde que a competição passou a ser organizada pela CBF, em 2013. Se engana quem pensa, porém, que o Vasco está satisfeito com sua participação. Os comandados do treinador Marcus Alexandre, entretanto, querem mais. Nesta terça-feira (03/05), o juvenil pode dar mais um importante passo rumo ao título do torneio.

Em São Januário, às 19h15, os Meninos da Colina disputam a segunda partida das quartas de final contra o Cruzeiro. No jogo de ida, realizado na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG), na semana passada, o Almirante derrotou a Raposa por 2 a 1. O triunfo dá ao Cruzmaltino a possibilidade de confirmar sua classificação para a semifinal com um empate ou até mesmo uma derrota por 1 a 0.

- Não fomos bem no segundo jogo contra o Atlético Paranaense e acabamos perdendo em casa, mas corrigimos os erros e fizemos uma grande partida contra o Cruzeiro. Jogamos firmes, de forma compacta, com atitude e estivemos ligados durante os 90 minutos. Por conta disso, vencemos por 2 a 1 e conquistamos uma importante vantagem. Voltamos para o Rio sabendo que não tem nada ganho ainda - afirmou Alexandre.

image
Alexandre confia na classificação- Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

Captado pelo Gigante no ano passado, após uma passagem de pouco mais de um ano pelo Botafogo, Alexandre é considerado pelo técnico o "termômetro" do sub-17. É o meia que tem a função de pensar a partida e iniciar as jogadas de ataque do Almirante. Por atuar também como volante e lateral-esquerdo, o jovem troca de posição com os companheiros rotineiramente visando confundir a marcação adversária.

- Estou me sentindo muito bem no Vasco. O professor Marcus me dá bastante liberdade para atuar e tem grande confiança no meu futebol. Ele pede sempre para que eu busque a bola na defesa, nos pés dos zagueiros, para sair para o jogo e levar o nosso time para o ataque. Ele me orienta muito durante o jogo também, pedindo sempre para eu motivar o time quando ele precisa - declarou o armador de 17 anos.

Para a partida contra a Raposa, a comissão técnica vascaína não terá à sua disposição o goleiro Alexander. O arqueiro, que recebeu o terceiro cartão amarelo no jogo de ida, será substituído por Hedhe Halls. Quem também não poderá atuar é o atacante Paulinho, expulso no segundo tempo do último confronto. João Bernardo retorna ao time após cumprir suspensão em Minas Gerais.
Texto: Carlos Gregório Júnior

Termômetro do sub-17, Alexandre projeta duelo com o Cruzeiro

A atual campanha cruzmaltina na Copa do Brasil sub-17 já é a melhor do clube desde que a competição passou a ser organizada pela CBF, em 2013. Se engana quem pensa, porém, que o Vasco está satisfeito com sua participação. Os comandados do treinador Marcus Alexandre, entretanto, querem mais. Nesta terça-feira (03/05), o juvenil pode dar mais um importante passo rumo ao título do torneio.

Em São Januário, às 19h15, os Meninos da Colina disputam a segunda partida das quartas de final contra o Cruzeiro. No jogo de ida, realizado na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG), na semana passada, o Almirante derrotou a Raposa por 2 a 1. O triunfo dá ao Cruzmaltino a possibilidade de confirmar sua classificação para a semifinal com um empate ou até mesmo uma derrota por 1 a 0.

- Não fomos bem no segundo jogo contra o Atlético Paranaense e acabamos perdendo em casa, mas corrigimos os erros e fizemos uma grande partida contra o Cruzeiro. Jogamos firmes, de forma compacta, com atitude e estivemos ligados durante os 90 minutos. Por conta disso, vencemos por 2 a 1 e conquistamos uma importante vantagem. Voltamos para o Rio sabendo que não tem nada ganho ainda - afirmou Alexandre.

image
Alexandre confia na classificação- Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

Captado pelo Gigante no ano passado, após uma passagem de pouco mais de um ano pelo Botafogo, Alexandre é considerado pelo técnico o "termômetro" do sub-17. É o meia que tem a função de pensar a partida e iniciar as jogadas de ataque do Almirante. Por atuar também como volante e lateral-esquerdo, o jovem troca de posição com os companheiros rotineiramente visando confundir a marcação adversária.

- Estou me sentindo muito bem no Vasco. O professor Marcus me dá bastante liberdade para atuar e tem grande confiança no meu futebol. Ele pede sempre para que eu busque a bola na defesa, nos pés dos zagueiros, para sair para o jogo e levar o nosso time para o ataque. Ele me orienta muito durante o jogo também, pedindo sempre para eu motivar o time quando ele precisa - declarou o armador de 17 anos.

Para a partida contra a Raposa, a comissão técnica vascaína não terá à sua disposição o goleiro Alexander. O arqueiro, que recebeu o terceiro cartão amarelo no jogo de ida, será substituído por Hedhe Halls. Quem também não poderá atuar é o atacante Paulinho, expulso no segundo tempo do último confronto. João Bernardo retorna ao time após cumprir suspensão em Minas Gerais.
Texto: Carlos Gregório Júnior

Fã de Morata, bela filha de técnico do Juventus faz sucesso após cantar hino do time


Valentina Allegri é filha do técnico do Juventus Foto: Reprodução / Instagram
Extra

A italiana Valentina Allegri roubou a cena na semana passada após o 34ª título do Juventus no Campeonato Italiano. Filha do técnico Massimiliano Allegri, a jovem postou fotos com a camisa do clube e publicou um vídeo cantando o hino da equipe, para pagar uma promessa que havia feito nesta temporada, caso o time fosse mais uma vez campeão. A jovem não só cumpriu como ganhou destaque mundial por isso.
Valentina é torcedora fanática da Velha Senhora, comparece a quase todos os jogos em Turim e quando a equipe joga fora, ela assiste pela TV. A própria estudante de Literatura Moderna compartilha imagens nas suas redes sociais, onde é um fenômeno e já tem mais de 74 mil seguidores. A italiana tem um jogador preferido no time do pai: Alvaro Morata. A bela sempre exibe a camisa 9 com o nome do espanhol, que ainda não sabe se ficará no clube.
A filha do treinador é tão fanática por futebol que tem até um piercing em forma de bola de futebol. Até seus relacionamentos são ligados ao esporte: ela namorou Leonardo Longo, de 20 anos, jogador revelado pela Inter de Milão, e que está atualmente no Mantova, da Quarta Divisão da Itália. Agora, está com o fisioterapeuta do Modena, Francesco Lopapa.

Valentina com o pai Massimiliano Allegri
Valentina com o pai Massimiliano Allegri Foto: Reprodução / Instagram


Bela italiana estuda Literatura em Milão
Bela italiana estuda Literatura em Milão Foto: Reprodução / Instagram


Valentina Allegri é fã do atacante Morata
Valentina Allegri é fã do atacante Morata Foto: Reprodução / Instagram


Valentina Allegri tem até um piercing de futebol
Valentina Allegri tem até um piercing de futebol Foto: Reprodução / Instagram


Valentina Allegri é torcedora do Juventus
Valentina Allegri é torcedora do Juventus Foto: Reprodução / Instagram


Valentina Allegri coloca até roupa de cama nas cores do time
Valentina Allegri coloca até roupa de cama nas cores do time Foto: Reprodução / Instagram


Valentina Allegri é filha do técnico do Juventus
Valentina Allegri é filha do técnico do Juventus Foto: Reprodução / Instagram

Ex-campeão brasileiro de Mountain Bike morre atingido por carro em BR Carlos Alberto Ribeiro morreu após ser atingido por veículo na BR-491, em São Sebastião do Paraíso; Condutor fugiu após o acidente e está foragido

Por São Sebastião do Paraíso, MG
Ciclista morreu após ser atropelado por veículo na BR-491, em São Sebastião do Paraíso (Foto: Reprodução Facebook)Ciclista morreu após ser atropelado por veículo na BR-491, em São Sebastião do Paraíso (Foto: Reprodução Facebook)

O ciclista Carlos Alberto Ribeiro, de 38 anos, morreu após ser atingido por um carro na BR-491 em São Sebastião do Paraíso (MG) neste domingo (1º). Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, um veículo bateu na traseira da bicicleta do atleta no Km 04. A vítima foi encaminhada para o hospital da cidade em estado grave, mas faleceu ao dar entrada. Carlos competia em provas de ciclismo e treinava na rodovia na hora em que o acidente aconteceu.

O condutor fugiu sem prestar socorros à vítima. Ainda de acordo com a PRE, o veículo foi encontrado durante as buscas na casa do suspeito. A Polícia Civil foi acionada a comparecer no local, mas não conseguiu prender o motorista.

Segundo informações da Fesp, a Fundação de Ensino Superior de Passos, que patrocinava o atleta, Carlinhos, como era conhecido, participou de competições em níveis regional, estadual e nacional, sendo Campeão Brasileiro Master em 2011 e Vice Campeão Brasileiro Master em nas edições de 2008, 2009, 2010, 2012 e 2013. Além disso, Carlos esteve no pódio de todas as etapas da Copa Internacional MTB desde 2007.

Carlos será velado e sepultado no Cemitério Municipal de São Sebastião do Paraíso na tarde desta segunda-feira. Ele era casado e tinha um filho de 16 anos.
Carlos Alberto Ribeiro, de 38 anos, já foi campeão de mountain bike na categoria master (Foto: Reprodução Facebook / Thiago Lemos)Carlos Alberto Ribeiro, de 38 anos, já foi campeão de mountain bike na categoria master (Foto: Reprodução Facebook / Thiago Lemos)

Campeão de muay thai morre após acidente com caminhão em SP Aguinaldo Alves era campeão sulamericano e deixa mulher e quatro filhos. Lutador foi atingido por um caminhão enquanto trafegava pela Anchieta.

Mariane RossiDo G1 Santos

Aguinaldo praticava o esporte desde os 12 anos de idade (Foto: Arquivo Pessoal)Aguinaldo praticava o esporte desde os 12 anos de
idade (Foto: Arquivo Pessoal)
O lutador de muay thai Aguinaldo Alves morreu no último domingo (1) após sofrer um acidente na Rodovia Anchieta, em Santos, no litoral de São Paulo. Segundo familiares, o acidente aconteceu na última sexta-feira (29) quando Alves foi atingido por um caminhão. A última luta profissional do atleta, que era campeão sulamericano, aconteceu em dezembro do ano passado.
O lutador de 42 anos era dono da academia 'Thay Boxe Team' e também estivador no Porto de Santos. Em um vídeo gravado e disponibilizado na internet, ele conta que começou no esporte aos 12 anos e que praticava a modalidade até hoje. A última luta de Alves foi no Diamond Fight 7, contra Rogério "Ninja", na categoria de 81Kg. Alves foi o vencedor.
Lutador Aguinaldo Alves (Foto: Reprodução/Internet)Lutador Aguinaldo Alves (Foto: Arquivo Pessoal)
De acordo com informações da família, Alves saiu para trabalhar de moto por volta das 13h quando se envolveu em um acidente com um caminhão na rodovia Anchieta. O lutador teve fraturas na perna e ferimentos na região do estômago. Ele foi internado na Santa Casa de Santos em estado grave e morreu por volta das 14h deste domingo. Alves deixou esposa e quatro filhos.
"Ele já ganhou um sulamericano e, depois disso, ficou um tempo sem lutar. A última luta dele ocorreu em dezembro. Nós éramos muito próximos. Ele fazia muitas coisas para as pessoas e não cobrava. Ele gostava muito de fazer eventos sociais, arrecadar alimentos. O esporte era a vida dele", disse a filha mais velha do lutador, Nathaly Sivoti Alves, de 20 anos.
O velório do atleta será realizado na Osan do Parque Bitaru, em São Vicente, a partir das 18h. O enterro acontecerá nesta terça-feira (3) no Cemitério Campo da Paz Celestial.
  •  
Última luta de Aguinaldo foi no Diamond Fight 7 contra Rogério "Ninja" (Foto: Divulgação/internet)Última luta de Aguinaldo foi no Diamond Fight 7 contra Rogério "Ninja" (Foto: Reprodução/Youtube)


 

O SONHO QUE VIROU PESADELO.

1° de Maio data em alusão ao aniversário do PARNAHYBA SPORT CLUB.

Em 2015 houve um grande encontro no velho "Estádio Petrônio Portela" onde a própria Diretoria do clube convidou grandes celebridades do cenário político Piauiense a participar de uma partida de futebol em comemoração ao aniversário do PARNAHYBA SPORT CLUB, partida essa muito prestigiada pelos torcedores e membros da Diretoria.
Tiveram presente como convidados especial o senhor governador do Estado,o senhor prefeito da cidade e demais autoridades para se confraternizarem e comemorarem os 102 anos de história futebolística do time azulino.
E naquele exato momento no velho Estádio Petrônio Portela,vestindo a camisa do time azulino o senhor governador acompanhado de demais autoridades juntamente com o senhor prefeito da cidade assinaram um convênio de reforma,modernização e ampliação do Estádio Petrônio Portela, uma parceria do governo do Estado e prefeitura Municipal,fizeram festa e muita mídia! !!!!
E naquela oportunidade o senhor governador ainda disse:

"PARA MIM,É UM PRIVILÉGIO VOLTAR AQUI. QUERO RETORNAR NA COMEMORAÇÃO DOS 103 ANOS DO CLUBE FAZENDO UMA BONITA FESTA E PRESENTEAR O TIME AZULINO COM SEU NOVO CENTRO DE TREINAMENTO (CT).

Acreditamos que muitos até não sabem mais no último dia 1° de Maio deste fez exatamente "UM ANO" que muitos torcedores do PARNAHYBA presenciou está falsa promessa vinda por esses gestores mentirosos; FOI MUITO ENGODO, MUITA AUDÁCIA por parte desse pessoal, não tiveram respeito com nossa cidade e principalmente com o PARNAIBANO.

Esse foi o SONHO que virou PESADELO!!!!!! Transformar o velho "ESTÁDIO PETRÔNIO PORTELA" em um moderno CENTRO DE TREINAMENTO (CT).

Pois os Parnaibanos e principalmente o Torcedor do PARNAHYBA SPORT CLUB tem que por a mente pra funcionar e analisar que tudo isso não passou de uma tremenda "PROMESSA ENGANOSA".

Onde repito que para eles a entrega do novo CT seria 1° de Maio de 2016 onde o PARNAHYBA completou seus 103 anos de história, e não aconteceu.

A mentira foi tão clara que o Estádio Petrônio Portela continua do mesmo jeito ou seja, não recebeu se quer um tijolo novo,VERGONHOSO! !!!

MAIS É VERDADE!!


Por isso Parnaibanos e em especial ao Torcedor do "TUBARÃO" todos foram pego na mentira, nos enganaram, fotos revelam o ENGODO, a DEMAGOGIA desses políticos sem compromisso, MENTIRA, MENTIRA e MENTIRA!!!!!!!

Senhor governador, senhor prefeito e demais autoridades KD o CENTRO DE TREINAMENTO(CT)???????? Todos faltaram com a verdade.

Acordem Parnaibanos eles poderão vim outra vez, merecemos de mais respeito por parte desses políticos eles brincaram com a bondade dos Parnaibanos.

Senhores políticos que fizeram parte daquele cenário, somos cidadãos e queremos respeito,pois esse projeto assinado por eles foi um desrespeito aos Parnaibanos e principalmente muito vergonhoso à Diretoria do clube onde deram muita atenção a essas celebridades da classe política do Piauí! !!!
Em fim o grito é um só. 


PEGAMOS NA MENTIRA!!!!!


ESSE FOI O SONHO QUE VIROU PESADELO!!!!



domingo, 1 de maio de 2016

Autor do gol da vitória do Vasco, Jorge Henrique diz que Botafogo foi melhor Atacante cruz-maltino admite que Glorioso dominou a partida, mas destaca que o Vasco chegou ao resultado positivo por causa de aplicação tática

Botafogo x Vasco
Jorge Henrique fez o gol da vitória do Vasco (Foto: Paulo Sérgio/Lancepress!)

LANCE!
 01/05/2016
 18:11
Rio de Janeiro (RJ)
O atacante Jorge Henrique fez o único gol da vitória do Vasco sobre o Botafogo, neste domingo, no Maracanã. Apesar do resultado positivo, o atleta cruz-maltino considera que o rival foi superior neste primeiro duelo.

- Sabemos que não fizemos uma grande partida. O Botafogo foi melhor, mas nossa aplicação tática veio a coroar com o gol. Agora, vamos trabalhar na semana para fazer um jogo diferente na próxima partida - disse o atacante ao canal Premiere.

Jorge Henrique explicou o lance em que mostrou oportunismo para balançar a rede do goleiro Jefferson.

- Foi posicionamento. Vi que a bola vinha um pouco baixa e antecipei. A 11 está dando sorte dentro da área - comentou o atacante.

Lucas Lima deixa estádio imobilizado, mas é esperado para a decisão Meia santista que saiu machucado na primeira partida da final contra o Audax, será submetido a uma ressonância nesta segunda para saber a gravidade da lesão

Audax x Santos
Lucas Lima deixou o gramado chorando após lesão na final (Foto: Marcelo Machado de Melo/Fotoarena/Lancepress!)
LANCE!
 01/05/2016
 18:58
São Paulo (SP)
Apesar de ter saído de campo satisfeito com o resultado de empate em 1 a 1 contra o Osasco Audax, o Santos vai para casa com uma dor de cabeça inesperada. A lesão de Lucas Lima no segundo tempo, e sua consequente substituição pode ter influenciado diretamente no resultado por conta do gol de Ronaldo Mendes, seu substituto. No entanto o jogador vira dúvida também para o jogo da volta.

O meia santista, aparentemente, sofreu uma contusão na perna direita após chutar ao gol para defesa de Sidão. Com a precoupação em relação à sua condição, ele saiu do estádio José Liberatti, em Osasco, com a perna direita imobilizada e nesta segunda-feira passará por uma ressonância para saber a gravidade da lesão.
Mesmo sem saber ao certo qual é o tamanho da preocupação que terá para os próximos dias, o técnico Dorival Junior, em coletiva após a primeiro jogo da decisão, elogiou Ronaldo Mendes e antecipou que conta com a presença de Lucas Lima para a partida na Vila:

- Ele vai oscilar. Está fazendo o sexto ou sétimo jogo. Vai ser decisivo. Tem qualidade para isso e vou contar com o Lucas Lima no último jogo com certeza - afirmou o comandante do Peixe.

Santos e Osasco Audax voltam a se enfrentar no próximo domingo, às 16h, na Vila Belmiro. Na decisão do Paulistão, não há vantagem pelo gol fora de casa. Qualquer empate leva a decisão para os pênaltis.